Segunda, 25 de Outubro de 2021
22°

Pancada de chuva

Jataí - GO

Dólar
R$ 5,65
0%
Euro
R$ 6,58
0%
Peso argentino
R$ 0,06
-0.031%
Bitcoin
R$ 371,557,04
+2.105%
Bovespa
106,296,18 pontos
-1.34%
Geral Mercado de trabalho

4 profissões do futuro:

a necessidade do inglês para a conquista de vagas

05/10/2021 às 08h23
Por: Gideone Rosa Fonte: JN
Compartilhe:
Segundo a pesquisa English at Work, realizada pela Cambridge English, 62% das empresas pesquisadas no Brasil veem o inglês como habilidade importante para os negócios. (Photo by Drew Graham on Unsplash)
Segundo a pesquisa English at Work, realizada pela Cambridge English, 62% das empresas pesquisadas no Brasil veem o inglês como habilidade importante para os negócios. (Photo by Drew Graham on Unsplash)

Segundo especialista, conhecimentos técnicos no idioma nunca foram tão importantes como atualmente para a qualificação das vagas em diversas áreas

De acordo com o IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, no segundo trimestre de 2021, o nível de ocupação subiu 1,2 ponto porcentual, ficando em 49,6%. Os números são positivos, mas ainda indicam que menos da metade da população em idade para trabalhar está empregada no país. No Brasil, são 14,4 milhões de cidadãos que buscam por uma recolocação profissional. Como se esses números não fossem alarmantes o suficiente, nos próximos anos, a previsão é que 30% dos empregos deixem de existir, aumentando ainda mais a falta de trabalho no país. Por outro lado, com a pandemia, o home office fez surgir outras oportunidades para os brasileiros, como vagas em outros países. E nesse contexto, o inglês aparece presente em boa parte dessas profissões do futuro.

Segundo a pesquisa English at Work, realizada pela Cambridge English, 62% das empresas pesquisadas no Brasil veem o inglês como habilidade importante para os negócios. Além disso, 57% destas oferecem melhores benefícios para profissionais que possuem um bom conhecimento na língua. Esses números ficam claros na pesquisa da empresa de recrutamento online Catho, o salário de quem fala inglês pode ser 60% mais alto do que daqueles que não falam.

Para Rafael Iapequino, Head de Marketing da Slang , plataforma com mais de 130 cursos de inglês técnico específico para diversas profissões, "O inglês nunca foi tão importante como agora, aquele nível básico ensinado nas escolas não será mais suficiente. É por isso que nós da Slang oferecemos cursos de inglês profissional focados na área de atuação de cada pessoa para que ela consiga utilizar o idioma em seu dia a dia, aprendendo a partir de situações reais e com uma metodologia guiada por dados".

Pensando nos cursos oferecidos pela Slang, aqui vai uma lista com 4 profissões do futuro que necessitam de conhecimento em inglês:

1 - Big Data

Big data é uma área que abrange diversas profissões especializadas na coleta, armazenamento e processamento de dados. O setor vem crescendo exponencialmente desde a criação das redes sociais, e hoje os dados pessoais de cada indivíduo são um negócio bilionário para muitas empresas. Espera-se que o setor gere ainda mais oportunidades para desenvolvedores de software, administradores de TI, administradores de marketing, e estatísticos.

2 - Telemedicina

Neste ramo, algumas profissões que se destacam são as de enfermeiro, fisioterapeuta, médico, dentista, e até mesmo administrador de serviços médicos e de saúde. Muitos treinamentos para essa área se dão fora do Brasil e, por isso, o inglês é fundamental. A Slang tem um módulo de medicina personalizado para cada aluno.

3 - Internet das Coisas

Mais uma área da tecnologia que garantirá empregos para muitas pessoas é a da internet das coisas, ou, em inglês, Internet of Things (IoT). Profissionais de IoT serão aqueles dedicados a criar objetos "smart", e desenvolvê-los de forma que facilitem a vida dos humanos. Isso já existe, e são as lâmpadas, espelhos, ou até mesmo carros conectados à rede wireless. Mais uma vez, a linguagem de programação utiliza os comandos em inglês, e, por isso, saber especificidades do idioma será um diferencial.

4.- Analista de Cybercidade

Garante a segurança e funcionalidade da cidade ao garantir o fluxo saudável de dados (ambientais, populacionais, etc.) pelo sistema. Além das qualificações em engenharia digital. É preciso saber ler e interpretar dados em analytics e claro se comunicar em inglês, pois a maioria dos programas e softwares são codificados na língua inglesa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias