Domingo, 20 de Junho de 2021 12:58
64 99648-7654
Geral UEG

Companhia de energia investe mais de 2 milhões de reais para diminuir conta de energia da UEG

A economia poderá chegar a R$ 285 mil por ano na conta da Universidade

20/05/2021 11h05
227
Por: Gideone Rosa Fonte: J.N
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

•  Obras de eficiência energética vão proporcionar uma economia de cerca de R$ 285 mil por ano na conta de energia da instituição em todo o Estado.  

•  No total, somente neste ano a companhia entregou obras de eficiência energética em 6 instituições de ensino de Goiás, que somaram mais de R$ 7,5 milhões em investimentos.  

Goiânia, 20 de maio de 2021 – A Enel Distribuição Goiás investiu cerca de R$ 2,5 milhões em obras de eficiência energética nas unidades da Universidade Estadual de Goiás (UEG) em todo o Estado. Os projetos contemplaram a troca de aproximadamente 22 mil lâmpadas comuns por outras de LED, que são mais econômicas, eficientes e duram até 10 vezes mais que as lâmpadas comuns; e a instalação de duas usinas fotovoltaicas de 40 kWp, uma na Unidade Universitária de Jaraguá e outra na Unidade Universitária de Pires do Rio.  

O responsável por Sustentabilidade da Enel Distribuição Goiás, Adriano Faria, estima que as obras vão proporcionar uma economia de cerca de R$ 285 mil na conta de energia da universidade. “A previsão é de aproximadamente 750 MWh/ ano, que seria suficiente, por exemplo, para abastecer em torno de 410 residências por um ano. Além da economia e do ganho para o meio ambiente, a UEG ganhará em qualidade, pois as lâmpadas de LED iluminam mais do que as convencionais e duram mais. Nosso objetivo é exatamente esse, promover o consumo inteligente e eficiente de energia”, afirma.  

De acordo com o reitor da UEG, Valter Campos, neste momento em que há cada vez mais necessidade do uso sustentável dos recursos naturais, investir em tecnologias que permitam ter uma melhor iluminação, a um menor custo e, ainda, preservando o meio ambiente, é de suma importância para todos. “Essa parceria da UEG com a Enel, além de nos garantir economia de recursos, que podem ser destinados a outras finalidades, ainda desperta a necessidade de se continuar implementando na universidade uma cultura de combate ao desperdício”, comenta.  

Segundo Adriano, somente nos três primeiros meses deste ano a Enel Distribuição Goiás entregou obras de eficiência energética em outras três instituições de ensino do Estado – Universidade Federal de Goiás (UFG), Universo, Senai Ítalo Bologna, Sesi Campinas e Instituto Luterano de Ensino Superior (ILES/ ULBRA), em Itumbiara -, que somaram mais de R$ 7,5 milhões em investimentos e vão beneficiar milhares de estudantes.  

Chamada pública  

O projeto de eficiência energética da UEG foi selecionado em chamada pública para financiamento de projetos com foco no consumo eficiente de energia elétrica. Desde 2017, quando a Enel assumiu a distribuição de energia em Goiás, já foram investidos R$ 63,8 milhões em 38 projetos, que além de troca de lâmpadas prevê substituição de aparelhos de ar-condicionado e instalação de usinas fotovoltaicas, entre outras iniciativas.  

Os projetos são financiados com recursos do Programa de Eficiência Energética (PEE), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Somente em 2020, na Enel Distribuição Goiás, os projetos proporcionaram uma economia no consumo de energia estimada em 10.457 MWh/ano, o que seria suficiente para abastecer 4.357 mil residências com um consumo mensal de 200 kWh por mês.   

Além dos benefícios econômicos, os projetos de eficiência energética têm um impacto positivo ao meio ambiente. Ao promover o consumo sustentável e eficiente de energia, evitam a emissão de mais de 645 toneladas por ano de gás carbônico (CO2), um dos principais responsáveis pelo aquecimento global. Para efeito de comparação, esse volume equivale ao plantio de 4.355 árvores por ano.  

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias