Segunda, 19 de Abril de 2021 19:19
64 99648-7654
Geral Turismo

São José da Lapa (MG) espera receber mais de 500 mil turistas por ano

A expectativa do empreendimento é de receber mais de 500 mil visitantes por ano e gerar mais 400 empregos diretos.

12/03/2021 09h48 Atualizada há 1 mês
401
Por: Gideone Rosa Fonte: J.N
Foto: Divulgação / Projeção do que será o Aquabeat
Foto: Divulgação / Projeção do que será o Aquabeat

Com o início das obras de construção do Aquabeat, o maior parque aquático de Minas Gerais, cidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte, distante apenas 28 km da capital mineira, vive um momento de otimismo

Quem trafega pela rodovia MG-424 e passa pelas imediações de São José da Lapa, já percebe que o município tem grande parte da sua economia voltada para a extração mineral e atividade industrial, já que pedreiras, caminhões carregados de calcário e cal virgem são cenários constantes. Mas esta realidade está prestes a mudar, pois foi divulgada a instalação do Aquabeat na cidade, o maior parque aquático de Minas Gerais, que posicionará a região como polo turístico na Região Metropolitana de Belo Horizonte, com a expectativa de receber mais de 500 mil visitantes por ano.

De acordo com um dos sócios do empreendimento, Tassar Neto, será construído um dos maiores complexos de lazer e entretenimento do Brasil e o impacto positivo em São José da Lapa será percebido em breve. “Vamos ocupar um terreno de 87 mil m² às margens da MG-424 e, ainda na fase de construção, 400 empregos diretos e indiretos serão gerados. Além de gerar postos de trabalho para os moradores da cidade, estamos fomentando uma cadeia econômica que vai ajudar e muito o município. Com a atração de turistas ao nosso parque, surgirão mais demandas de hotéis, restaurantes e outros serviços”, afirma.

Com uma população estimada de mais de 24 mil pessoas, São José da Lapa garantirá o seu lugar no circuito turístico nacional. Tassar Neto explica que o local escolhido para a construção do parque não foi por acaso. “É uma localidade rica em água, ao lado de uma reserva ambiental e possui posição geográfica privilegiada, além da proximidade do aeroporto. O clima tropical, com temperaturas altas a maior parte do ano, além das rodovias pavimentadas e sem problemas de tráfego farão com que os turistas escolham ir ao Aquabeat”, explica.

A localização é uma das facilidades para os visitantes, já que o empreendimento será montado próximo à capital mineira e a apenas 10 minutos do Aeroporto Internacional de Confins. Mas o que vai chamar mesmo a atenção são os atrativos. O maior parque aquático do estado contará com a maior piscina de ondas dupla do Brasil, rio lento, toboáguas de adrenalina, tirolesa, áreas infantis, quiosques, restaurantes, choperias e várias outras atrações.

Projeção nacional

Com a divulgação do empreendimento, São José da Lapa se tornou manchete em diversos veículos de comunicação no país. Com isso, os olhares de outros investidores podem se voltar à cidade e gerar ainda mais empregos e fomentar o segmento turístico no município.

O prefeito de São José da Lapa, Diego Álvaro dos Santos (Avante), está empolgado com a instalação do parque aquático. “A cidade fica muito satisfeita por receber um empreendimento como o Aquabeat, que envolve turismo, lazer, desenvolvimento econômico e, acima de tudo, criação de emprego e renda para o nosso município”, conta o chefe do executivo.

De acordo com o prefeito, o parque aquático ajudará a desenvolver um setor até então não explorado pela cidade. “O nosso município está dentro da região calcária, que desenvolve atividades relacionadas aos segmentos cimenteiro e de calcinação e, junto a isso, aos serviços relacionados. Agora, passaremos a ser um polo turístico, a partir do indutor econômico que vai ser o Aquabeat, que não ficará restrito ao parque, mas impactará também na rede hoteleira, restaurantes e outros negócios que se beneficiem do turismo. E isso ajuda no crescimento da economia da cidade como um todo”, destaca Diego Álvaro do Santos (Avante).

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias