terça-feira, 1 de dezembro de 2020

Ministro da Infraestrutura visita obra da Ecovias do Cerrado na BR-365

Foto: Reprodução

O Ministro de Estado da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, visitou, nesta sexta-feira (27), as obras executadas pela Ecovias do Cerrado no entroncamento da BR-365 com a BR-452, local conhecido como Trevo de Xapetuba, entre as cidades de Monte Alegre de Minas e Uberlândia. A estrutura já está em sua terceira fase de construção, com previsão de término e entrega para o tráfego em meados de janeiro do próximo ano.

A visita foi um dos compromissos do ministro durante agenda oficial na região do Triângulo Mineiro. Além dele, participou da visitação à obra uma comitiva formada pelo diretor da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Davi Barreto, o diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), General Santos Filhos, e os deputados federais Greyce Elias, Zé Vitor e Welinton Prado.

Eles foram acompanhados pelo Diretor Superintendente da Ecovias do Cerrado, Luis Salvador, e pelo diretor de concessões rodoviárias federais do Grupo EcoRodovias, Alberto Lodi.

“Estamos vendo que as vigas já estão depositadas, prontas para serem lançadas. A gente vê que o investimento tem sido realizado, os empregos estão sendo criados e as pessoas estão aqui trabalhando. Também está aqui o material entregue, o que significa que as indústrias da região também estão trabalhando. A obra puxa toda uma cadeia econômica e estamos muito satisfeitos com o resultado “, disse Tarcísio de Freitas.

A obra no Trevo de Xapetuba foi iniciada em julho pela Ecovias do Cerrado, concessionária que administra 437 km da BR-364/365, em Goiás e Minas Gerais. Esta terceira fase de construção consiste na instalação de novas vigas e na implementação da um laje. No local, a concessionária já finalizou a retirada de antigas estruturas e a duplicação da pista.

O investimento para conclusão da obra é de R$ 7 milhões. Sua entrega vai beneficiar principalmente o acesso à BR-365 para quem trafega pela BR-452. O trecho faz parte de uma das mais importantes rotas para o escoamento de grãos do Centro-Oeste até o porto de Santos. Também é uma importante rota para abastecimento da região sul de Goiás e do estado de Minas Gerais, principalmente de produtos da indústria, materiais de construção e alimentos.

Fonte: EncoVias

Nenhum comentário: