Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Legislativo Jataiense

Câmara Municipal de Jataí

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Vegana processa vizinhos por causa de cheiro de churrasco

Uma australiana resolveu levar os vizinhos à justiça por se incomodar com o odor de carne assada. 
Saiba qual o foi o desfecho do caso

R7 MEU ESTILO
A australiana Cilla Carden é adepta do veganismo e estava incomodada com o cheiro constante de churrasco na vizinhança. Por isso, ela acabou processando os vizinhos. O desentendimento foi parar na Suprema Corte da Austrália, que acabou decidindo contra as reivindicações da mulher.

"Eles colocam lá [a churrasqueira], então eu sinto o cheiro de peixe, tudo o que posso sentir é cheiro de peixe", disse ela ao jornal local. Além dos odores, Cilla também reclamou do barulho das crianças jogando basquete e das cadeiras se arrastando. Segundo ela, a movimentação atrapalhava seu sono.

Um dos vizinhos disse que já havia removido a churrasqueira e pedido às crianças que parassem com o basquete. "As demandas de Carden prejudicam a capacidade dos outros proprietários de usufruir de seus lotes de maneira razoável e aceitável", comentou outro vizinho em entrevista para a emissora.

Decisão da Justiça

O presidente da Suprema Corte australiana, Peter Quinlan, negou a última apelação de Cilla e afirmou que o tribunal conduziu o processo de maneira justa e apropriada. A vegana chegou a cogitar novas ações, mas Quinlan orientou as partes a resolverem a situação entre si. 


Nenhum comentário: