Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Legislativo Jataiense

Câmara Municipal de Jataí

quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Orçamento da UEG vai aumentar em R$ 100 mi com PEC da Educação

Com a desvinculação da universidade da Ciência e Tecnologia e ida para a Educação, não haverá mais a necessidade de se descontar 0,6% referentes ao DRE

Por Elisama Ximenes 
Em entrevista ao Jornal Opção, o líder do Governo na Assembleia Legislativa de Goiás (alego), Bruno Peixoto (MDB), e o deputado estadual Eduardo Prado (PV) afirmaram que, com a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) da Educação, o orçamento da Universidade Estadual de Goiás (UEG) terá incremento de R$ 100 milhões.

Isso, porque antes a UEG era vinculada à Ciência e Tecnologia e incidia um desconto sobre o orçamento, a chamada Desvinculação da Receita do Estado (DRE), de 0,6%. Com a inclusão no percentual destinado à Educação, esse desconto não poderá ser feito mais, explica Prado. Além disso, abre possibilidade para utilização de recursos federais. O que antes não era possível.

Investimento
Assim, o valor investido passa de R$ 244 milhões para R$ 348 milhões. “O que a oposição tenta construir é que o ensino médio iria perder recursos, o que não é verdade. Até porque se você pegar a média das aplicações desde 2014, nunca atingiram 25%, inclusive, as decisões do Tribunal de Contas são nesse sentido”, frisa o parlamentar do PV, ao relembrar que as contas de 2018 foram reprovadas no tribunal.

“Tenho certeza que isto vai ajudar na gestão da UEG, tem concursados para tomarem posse, e tenho certeza que o governador vai honrar. A gente observa que o governador sinalizou de um ponto positivo, que era o piso. Tenho certeza que o governador vai atender, que era uma discussão junto aos sindicatos”, ressaltou.

Apoio
Prado afirma que o Governo já conta com 27 votos favoráveis na Casa. “Com certeza a oposição vai fazer um discurso que não vinga, de desconstruir um projeto que investe em educação, mas estamos com 27 votos garantidos. Tenho certeza que vamos aprovar para o bem da educação”, disse Prado.

E acrescentou: “Observei com dados concretos, não fico em analogias ou suposições, eu fiz análise de dados, de números. A oposição vai vir para o embate, mas estamos preparados para mostrar que isso é importante para a educação no Estado de Goiás”.

Nenhum comentário: