Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Projeto Sonho de Natal 2018




quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Em Brasília, Vanderlan se encontra com procuradores de todo Brasil e propõe parcerias

Senador eleito afirmou órgãos dos quais os profissionais fazem parte “têm um corpo de profissionais competentíssimo”

Por Nathan Sampaio
O senador eleito por Goiás, Vanderlan Cardoso (PP), se reuniu na manhã desta quarta-feira (21/11) com procuradores de todo País, no encontro do Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União, CNPG, em Brasília, para falar da sua experiência na gestão pública e sobre a forma com que conduziu as parcerias entre município e Ministério Público quando foi prefeito em Senador Canedo. Vanderlan aproveitou a oportunidade para colocar seu mandato à disposição do MP para ajudar nas demandas que vierem ao encontro das necessidades da população.

O presidente do CNPG, procurador-geral de Justiça de Goiás Benedito Torres Neto, anfitrião do evento, convidou o senador eleito para participar do evento depois de tomar conhecimento das suas boas práticas políticas e dos frutos colhidos por Senador Canedo através das parcerias entre a prefeitura e o Ministério Público. Vanderlan credita o sucesso que teve como prefeito ao esforço conjunto da prefeitura, dos órgãos de Justiça, entidades religiosas e toda sociedade organizada.

“Só foi possível fazer as transformações que fizemos em Senador Canedo por que tivemos apoio do Ministério Público, das Polícias Civil e Militar, das igrejas e da sociedade em geral. O MP, por exemplo, sempre foi um grande aliado da nossa gestão”, afirma.

Segundo ele, o administrador público só tem a ganhar, quando atua em parceria com o Ministério Público e o Tribunal de Contas do Município. “Esses órgãos têm um corpo de profissionais competentíssimo. Eu soube tirar proveito disso e a cidade ganhou bastante. Tivemos ali verdadeiros aliados da administração. Só tem medo de trabalhar junto com o MP quem está fazendo alguma coisa errada”, explica.

Vanderlan Cardoso defendeu, e pediu apoio do Ministério Público, para a aprovação das reformas que vêm sendo discutidas no Congresso há anos, mas que nunca saíram do papel. “Não há condições do País sair dessa situação se não aprovarmos as reformas que há anos estão paradas no Congresso. Então, tem muitas coisas que estão travando o crescimento do País, que já foi muito discutido, mas nunca chegou a uma definição. Por exemplo, tem mais de 20 anos que se discute a reforma tributária. Não tem mais condições de um país como o Brasil continuar assim, com normas tributárias tão complicadas onde se criam e se quebram regras a todo momento. É preciso resolver isso. As empresas que pensam em se instalar no Brasil necessitam de uma segurança jurídica que aqui não tem”, reclamou.
Postar um comentário