Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Thermas Jatahy


terça-feira, 9 de outubro de 2018

Jataí é a primeira cidade do Centro-Oeste a receber internet de ultravelocidade

Parceria com a Vivo permitiu que jataienses tivessem internet de até 300 megas de velocidade

Por Elisama Ximenes
A Prefeitura de Jataí realizou parceria com a empresa de telecomunicação Vivo para que começasse a funcionar a internet de fibra ótica na cidade. O município é o primeiro do Centro-Oeste a receber sinal com velocidade de até 300 megas por segundo.

Segundo o prefeito Vinícius Luz (PSDB), o sinal de internet na cidade era muito precário e desde a sua eleição, em 2016, ele tentava fazer tratativas com a operadora para resolver a situação. “A Vivo nos repassou a informação de que a legislação da cidade estava travando a instalação de novas torres”, relata.

Foi, então, que a prefeitura começou a trabalhar com meios que viabilizassem alterações na legislação municipal. Depois de reuniões tanto em Brasília, como em Jataí, a administração da cidade conseguiu simplificar a legislação para que a operadora pudesse instalar novas torres.

“Foi uma melhoria significativa para a ampliação da cobertura de sinal”, comemora. Segundo narra o prefeito, graças às tratativas da administração, foi possível estruturar o Vivo Fibra na cidade, permitindo que o consumidor tenha acesso a internet com até 300 megas de velocidade.

Segundo Luz, até agora a prefeitura só tem recebido respostas positivas dos moradores que já adquiriram o sinal. Ele conta ainda que, antes, a cidade tinha alguns sinais de empresas de internet via cabo, e alguns com fibra ótica, mas nunca com essa velocidade. O objetivo inicial da operadora é atingir cerca de cinco mil estabelecimentos residenciais e comerciais em 31 bairros da cidade.

A parte da prefeitura na parceria com a empresa foi a de viabilizar a alteração na legislação para que ela entrasse em sintonia com a Lei Geral das Antenas (PLS 293/2012). Segundo o prefeito, não houve necessidade de nenhum gasto por parte da administração municipal. “Nós também aprimoramos a análise do projeto e conseguimos liberar os alvarás no prazo de um dia”, finaliza.
Postar um comentário