Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Cultura jataiense. Venha e participe.

sexta-feira, 9 de março de 2018

Matou cliente a facadas

Policia Civil de Goiás prende garota de programa que matou cliente a facadas
Suspeita alega legítima defesa, mas tese já foi descartada pelas autoridades

Por Marcelo Gouveia/Opção
A Polícia Civil de Guapó e Aragoiânia cumpriu mandado de prisão temporária por 30 dias em desfavor de Lediane Pacheco da Silva, suspeita de matar a facadas Antônio Crespo Barreto, em abril do ano passado.

Segundo informações da Polícia Civil, Lediane e Antônio se conheceram em uma boate, e se encontravam frequentemente, mediante pagamento para relações sexuais. Em abril de 2017, Lediane o levou para a chácara em que sua mãe trabalhava como caseira. No local, fizeram churrasco e foram dormir em uma casa próxima, sozinhos.

Lediane, então, colocou medicamentos para Antônio dormir. A suspeita esperou a vítima dormir e o matou com golpes de faca.

Depois, Lediane arrastou o corpo até uma cerca e o deixou lá. Para se eximir da culpa, em depoimento, à época, ela afirmou que homens desconhecidos entraram na casa e o levaram.

O corpo foi encontrado dias depois, já em estado de putrefação, a metros da casa. A motivação ainda será esclarecida no inquérito policial, mas a polícia descarta a princípio a legítima defesa alegada pela suspeita.
Postar um comentário