Radio Line e Rádio Ideias apresentam, Frequência de Classe 54

Projeto Sonho de Natal 2018




quarta-feira, 21 de fevereiro de 2018

UFG abre novas vagas para cursinho pré-vestibular para alunos de baixa renda

Divulgação
Projeto de extensão da UFG oferece aulas para estudantes de baixa renda. Inscrições podem ser feitas até esta quarta-feira (21)

Por Marcelo Gouveia
Estão abertas até esta quarta-feira (21/2) as inscrições para o Projeto de Extensão Cursinho Federal de Goiás, que oferece aulas para estudantes de baixa renda preferencialmente oriundos de escola pública, que tenham concluído o Ensino Médio ou que estejam cursando o terceiro ano. Os interessados devem comparecer ao Centro de Aulas da Escola de Veterinária e Zootecnia (EVZ), no Câmpus Samambaia, com identidade, comprovante de endereço e caneta preta. As inscrições são gratuitas.

Ao se candidatarem às vagas, os estudantes responderão a um questionário socioeconômico e deverão redigir uma redação. Nesse caso, o texto não terá caráter eliminatório e será usado somente para demonstrar a habilidade dos candidatos em relação à escrita em língua portuguesa.

A relação dos convocados para a primeira chamada será divulgada no dia 23/2. Para os selecionados, haverá uma taxa de matrícula no valor de R$250,00 e uma contribuição de duas resmas de papel A4.

As aulas terão início no dia 19/3 e serão ministradas de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h, e aos sábados, das 9h às 16h. Ao longo do ano, serão aplicados simulados aos domingos e feriados. Todas as atividades acontecem na EVZ.  Mais informações podem ser obtidas no telefone (62) 9 9260-8680.

Edital 2018 e anexo.

Projeto

O Cursinho Federal de Goiás é um projeto de extensão do Instituto de Química em parceria com a empresa Connect Math, incubada no Centro de Empreendedorismo e Incubação da UFG. As aulas são ministradas por alunos de graduação, mestrado e doutorado da Universidade.

Valéria Cristina Almeida, uma das coordenadoras da iniciativa, explica que o objetivo do Cursinho é contribuir para a aprovação dos estudantes nos processos seletivos da Instituição e, de forma mais ampla, despertar para uma visão crítica da sociedade por meio de oficinas e palestras.
Postar um comentário