Legislativo Jataiense

Câmara Municipal de Jataí

sábado, 19 de outubro de 2019

sexta-feira, 18 de outubro de 2019

"Aeroporto com pista de 1500 metros em altitude entre 700 e 800 metros não desce aviões de grande porte"

Aeroporto a ser construído em Jataí não vai atender os princípios de um aeroporto regional
Abaixo, imagem explicativa com dados técnicos

Por Jataí News
De acordo com dados técnicos, pesquisados pelo JN, muitos são os princípios a serem levados em conta na construção de um aeroporto regional para que possa receber grandes aeronaves, o primeiro dado, comprimento de pista, segundo, altitude onde se localiza o aeroporto, pois quanto mais alto em consideração ao nível do mar mais força nas turbinas e maior é o consumo de combustível, entre outras a "área de escape" que tem que ser tanto quanto o mesmo comprimento da pista de pouso e decolagem o que promove maior segurança às aeronaves e usuários, depois vem outros dados como brigada de incêndio e demais equipamentos.

No caso do aeroporto do Galeão no Rio de Janeiro ele tem uma grande vantagem sobre o futuro aeroporto de jataí, está a nível do mar, ou seja, zero de altitude o que facilita o pouso e decolagem, mesmo assim o esforço da aeronave chega perto do limite o que exige perícia do piloto. Outra situação que envolve o aeroporto do Galeão, não existe meio de crescimento ou possibilidade para se construir um outro aeroporto dado às condições topográficas envolvem o Rio de Janeiro.

Quadro com dados técnicos 


Fonte: Skyscrapercity

Jataí está caminhando para um crescimento extraordinário devido a sua localização geográfica, logística e vontade política do governo municipal, sem falar que está entre duas importantes cidades no contexto econômico do estado de Goiás, sendo assim não podemos aceitar que o governo federal nos impõem uma condição de um aeroporto que ao invés de contribuir para esse desenvolvimento venha nos colocar reféns de um outro município.

Acreditamos que nosso prefeito reveja toda essa questão junto aos órgãos competentes do governo federal e exige que tenhamos um aeroporto, que segundo engenheiros do setor de aviação, com no mínimo 2 mil metros de pista


Ainda há tempo para cancelamento do processo de licitação que está em andamento.

O que não podemos é dar esse tiro em nossos próprios pés.

Vereador Gildenício Santos em "observação"

Relatório final do processo ético disciplinar 003 ficou para amanhã

Por Francisco Cabral
Será apresentado nesta sexta-feira, dia 18, às 16 horas, no plenário João Justino de Oliveira, o relatório final do processo ético-disciplinar nº 003/2019, referente ao caso do vereador Gildenicio Santos, afastado por 180 dias pela justiça devido à investigação de acusações de improbidade administrativa. A apresentação do relatório do Conselho de Ética será transmitida ao vivo pela TV e pela Rádio Câmara, por meio da página do legislativo jataiense na internet, do Facebook, do Instagram e do YouTube.

Na reunião desta quinta-feira, com a ausência do vereador Thiago Maggioni, houve um impasse entre o presidente do Conselho de Ética, Pastor Luiz Carlos, e o relator do processo, Major Davi Pires. Assim, uma nova reunião foi marcada para a tarde desta sexta-feira, com a presença dos três membros do órgão colegiado, que poderão optar entre o relatório de Major Davi e o documento a ser elaborado por Pastor Luiz Carlos. O relatório vencedor será submetido ao plenário na próxima semana.

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Aconteceu na Câmara Municipal de Jataí

Lago JK
Adilson cobra retomada da construção de escola padrão

Por Francisco Cabral
O vereador Adilson Carvalho enviou ofício pelo qual solicita ao deputado estadual Zé Carapô que cobre, junto à Secretaria Estadual de Educação e ao órgão responsável por obras públicas, a retomada da construção da Escola Padrão Século XXI, no bairro Dom Abel. Iniciada no terreno onde estava situado o antigo colégio Frei Domingos, a obra foi paralisada por falta de pagamento à construtora que venceu a licitação realizada pelo Estado.

Kátia pede reforma de telhados no Assentamento Rio Paraíso

A vereadora Kátia Carvalho reivindicou à administração municipal a reforma dos telhados da unidade básica de saúde e do centro comunitário do Assentamento Rio Paraíso. No caso do posto de saúde, o gesso também está se deteriorando. A parlamentar também sugeriu a colocação de uma tela para impedir a entrada de pássaros, que fazem seus ninhos entre o telhado e o forro.

Cida pede recapeamento de trecho da Rua José Manoel Vilela

A vereadora Maria Aparecida, a “Cida”, solicitou à Secretaria de Obras o recapeamento da Rua José Manoel Vilela, em frente à Praça do Olho d’Água. “Naquele trecho, o asfalto está bastante deteriorado, o que vem gerando muitas reclamações por parte de moradores e transeuntes”, afirmou a parlamentar.

Em Goiatuba um exemplo a ser seguido

TCO vira arma contra a perturbação do sossego

O 29BPM/6 CRPM tem usado o Termo Circunstancial de Ocorrência - TCO como uma nova arma contra a perturbação do sossego, pois quem é morador de Goiatuba e região sabe que sempre foi comum as pessoas abusarem de som automotivo e residencial sem que nada fosse feito, prejudicando pessoas idosas e doentes, crianças de colo e demais moradores que sofriam com essa situação. Aos poucos, essa situação tem sido resolvida, a Polícia Militar está trabalhando para que nossa cidade melhore em todos os sentidos.

Quando é lavrado um TCO em desfavor de uma pessoa, a conseqüência é que automaticamente é marcada a data de comparecimento ao juiz. 

O infrator terá que fazer um acordo e submeter-se ás opções que a Justiça lhe der. 

Essas medidas judiciais podem variar desde o pagamento de cestas básicas a instituições filantrópicas e até mesmo prestação de serviços à comunidade.

Durante a lavratura do TCO, o policial militar poderá apreender o veículo ou o som residencial e fazer o depósito judicial, sendo que o proprietário legal somente poderá reaver seus bens no final do processo.

JN via GoiásInterior

Vereador Gildenício Santos, acusado de improbidade administrativa, no Relatório Ético Disciplinar

Foto-Montagem Panorama
Relatório final do processo ético disciplinar 003 será apresentado nesta quinta-feira

Por Francisco Cabral
Será apresentado nesta quinta-feira, dia 17, às 10 horas, no plenário João Justino de Oliveira, o relatório final do processo ético-disciplinar nº 003/2019, referente ao caso do vereador Gildenicio Santos, afastado por 180 dias pela justiça devido à investigação de acusações de improbidade administrativa. 

A apresentação do relatório do Conselho de Ética será transmitida ao vivo pela TV e pela Rádio Câmara, por meio da página do legislativo jataiense na internet, do Facebook, do Instagram e do YouTube.

Universidade Estadual de Goiás e o caso Pronatec

Divulgação
Comissão da UEG mantém sigilo sobre investigação de desvios do Pronatec

Por Mayara Carvalho 
Presidente do Conselho Estadual de Educação, Marcos Elias, e demais servidores da universidade foram ouvidos nesta terça-feira, 15

A Comissão da Universidade Estadual de Goiás (UEG) responsável pelo Processo Administrativo (PAD) que apura indícios de desvios dos recursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) ouviu nesta terça-feira, 15, servidores envolvidos nas denúncias.

Foram arrolados para serem ouvidos pela comissão o atual presidente do Conselho Estadual de Educação e servidor da Coordenação Adjunta Pedagógica MédioTec, Marcos Elias Moreiras, além de Marcos Antônio Cunha Torres, Haroldo Reimer, Leonardo Batista Mendonça, Viviane Alves de Jesus e Joelma Dourado Lemos, todos servidores da universidade.

A investigação surgiu depois que a Controladoria-Geral do Estado de Goiás (CGE-GO) revelou o desvirtuamento de recursos públicos na execução do Pronatec.

Ao analisar as contas de 2018, a CGE constatou que a UEG recebeu R$ 8,99 milhões do Pronatec e utilizou R$ 8,65 milhões em despesas com pessoal. Desse total, R$ 4,8 milhões — ou seja, 53,4% do valor — foram gastos com 248 pessoas do apoio administrativo. A fatia inclui o reitor e membros da alta direção da Universidade. Outros R$ 2,3 milhões (26,1%) foram pagos a 324 professores e R$ 1,4 milhão (16,5%) repassado a 4.192 alunos.

A reportagem entrou em contato cm a UEG que por meio de nota informou que o processo segue sigiloso tendo em vista que é um procedimento investigativo, cuja publicidade deve ser restrita até que todos os trâmites jurídicos sejam realizados.

FNDE libera R$ 700 mil para construção de creches em Jataí e Trindade

Divulgação/Google
Prefeito Vinícius lembra que a verba, destinada à construção de uma creche, estava retida no FNDE há meses

Por Lívia Barbosa 
“Vamos continuar com as obras para melhor atender às nossas crianças”, disse o prefeito Jânio Darrot

Os prefeitos de Jânio Darrot e Vinícius Luz comemoraram a liberação de quase R$ 700 mil para a construção de creches nos municípios de Trindade e Jataí. Os recursos, oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), estavam paralisados e, por articulação do deputado federal Vitor Hugo (PSL-GO), já estão depositados nas contas dos municípios.

Ao todo, foram liberadas quatro parcelas para Jataí, município do Sudoeste goiano, que totalizam R$ 349.781,14. Já para Trindade, importante cidade do centro goiano e considerada Capital da Fé, os valores chegam a R$ 321.601,53. Os recursos foram disponibilizados após uma série de reuniões com integrantes do órgão vinculado ao Ministério da Educação.

Vinícius lembra que a verba, destinada à construção de uma creche, estava retida no FNDE há meses. “Por isso, quero agradecê-lo [Vitor Hugo] publicamente pela sensibilidade de ouvir nossos anseios e o empenho em lutar sempre em prol das demandas de Jataí”, conclui o prefeito.

Já o prefeito de Trindade, Jânio Darrot, afirma que “ensino de qualidade é uma das nossas maiores prioridades. Realizamos grandes investimentos para oferecer educação avançada para nossos alunos e espaços de aulas adequados para o desenvolvimento do ensino e aprendizagem”.

FNDE
O FNDE é responsável pela execução de programas de grande relevância para a continuidade das políticas educacionais. O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), por exemplo, atende a mais de 41 milhões de estudantes de todas as etapas da educação básica pública. São mais de 50 milhões de refeições por dia. No âmbito do Programa Nacional do Livro e do Material Didático (PNLD), são atendidas mais de 147 mil escolas.

As políticas de transporte escolar englobam o Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) e Caminho da Escola, programa que em 2019 tem a proposta de adquirir cerca de 1.300 veículos para auxiliar na locomoção de estudantes, sobretudo os residentes da zona rural.

Também se destacam o Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) e o Programa Nacional de Reestruturação e Aquisição de Equipamentos para a Rede Escolar Pública de Educação Infantil (Proinfância), que visa garantir o acesso de crianças a creches e escolas, bem como a melhoria da infraestrutura física da rede de Educação Infantil.

JN via Opção

"CPI dos Incentivos Fiscais causa danos à economia"

Caoa já suspendeu investimentos em Anápolis e deixou de contratar 300 funcionários, diz sindicato

Por Mayara Carvalho 
Presidente do SindMetana diz que caso deputados não cessem ofensiva para que sejam revogados os incentivos fiscais do setor automotivo, cerca de três mil pessoas perderam o emprego na cidade

Durante uma assembleia realizada nesta quarta-feira, 16, na empresa Caoa, o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Anápolis (SindMetana), Reginaldo Faria, disse que a montadora que produz carros das marcas Hyundai e Chery já suspendeu investimentos na cidade e deixou de contratar 300 funcionários.

“A Caoa está para lançar um novo produto, mas para isso precisa de investimentos. A empresa já decidiu que esse lançamento não acontecerá aqui em Anápolis e pretende levar os investimentos para viabilizar esse produto para a planta de Jacareí, em São Paulo. Com isso, a montadora deixou de contratar aqui cerca de 300 funcionários”, afirmou Reginaldo.

De acordo com o presidente do SindMetana a situação pode ficar ainda pior dependendo dos resultados da CPI dos Incentivos Fiscais realizada pela Assembleia Legislativa. “Eu conversei com o CEO da montadora e ele demonstrou bastante preocupação. Ele me disse que se não reverterem esse cenário, já no primeiro semestre do próximo ano precisará demitir cerca de 500 dos 1,5 mil funcionários da empresa”.

Reginaldo pontuou que o impacto para a cidade de Anápolis é ainda maior se analisada a cadeia inteira. “Com a redução da produção da Caoa, as auto peças que estão aqui e fornecem produtos para a empresa também serão prejudicadas. Estamos falando de cerca de três mil pessoas que podem ficar desempregadas”, especula.

A revogação de incentivos fiscais é amplamente debatida na Assembleia Legislativa.  O tema não é consenso entre os parlamentares; há um grupo que avalia que a CPI terá sérios desdobramentos que vão além da saída de empresas do estado: a falta de atrativos para que outras se instalem por aqui.

Hemocentro Regional de Jataí realiza campanha de doação de sangue

Se sensibilize da importância fundamental da doação voluntária

Texto: Alessandro Luz
O Hemocentro Regional de Jataí, que funciona dentro do Hospital das Clínicas Dr. Serafim de Carvalho, vem realizando uma importante campanha para aumentar o seu estoque de sangue. Hoje, a quantidade armazenada é insuficiente para atender uma região composta por dez municípios. Por isso, é importante que a sociedade se sensibilize da importância fundamental da doação voluntária e se motive a doar sangue, afinal, a falta de bolsas de sangue pode levar ao cancelamento de cirurgias, de procedimentos fundamentais, como a Quimioterapia, e, obviamente, à morte.

Vale ressaltar que o doador terá, em contrapartida, inúmeros exames gratuitos, como AIDS, sífilis, hepatite B, hepatite C, Doença de Chagas, HTLV, tipo sanguíneo e exames de imunematologia e sorologia, além de orientação e encaminhamento médico, nos casos de exames alterados.

Faça continuamente esse gesto de amor ao próximo. O Hemocentro precisa de você.

Hemocentro Regional de Jataí – HCSC
(64) 3632-8765 / Atendimento: 7 às 17h
Rua Caçu esquina com Joaquim Caetano

quarta-feira, 16 de outubro de 2019

Em breve um portal de notícias que vai trazer muito mais conteúdo


As notícias mais relevantes do estado de Goiás vão convergir em um único ponto, no Goiás Press

Aconteceu na Câmara Municipal de Jataí

Carvalhinho solicita asfalto para ruas do Recanto Alvorada

Por Francisco Cabral
O vereador Agustinho de Carvalho Filho, o “Carvalhinho”, solicitou à administração municipal o asfaltamento das ruas 1 e 3, no setor Sítios de Recreio Recanto Alvorada. Essas vias nunca foram pavimentadas, o que prejudica os empresários ali localizados, que têm seus negócios prejudicados, bem como a economia do município, devido à falta de infraestrutura adequada.

Pastor Luiz Carlos pede sinalização em cruzamento na Vila Santa Maria

O vereador Pastor Luiz Carlos requereu à SMT a sinalização do cruzamento da Avenida Marechal Rondon com a Rua Dom Pedro II, na Vila Santa Maria. “A sinalização no local está sendo insuficiente para um melhor fluxo de veículos de forma adequada, ainda mais por haver na região duas escolas e trânsito intenso de veículos, fazendo com que os acidentes sejam frequentes”, declarou o parlamentar.

Próxima temporada de sessões ordinárias acontecerá nos dias 22, 23 e 24

Está prevista para os próximos dias 22, 23 e 24 a realização da segunda temporada de sessões ordinárias do mês de outubro. Toda a comunidade está convidada a acompanhar as reuniões no plenário João Justino de Oliveira, a partir das 14 horas. As sessões também serão transmitidas ao vivo pela internet.

Leilão do Pré-Sal vai beneficiar municípios e Jataí poderá ter uma parcela entre 1 milhão e 4 milhões de reais.

Senado aprova partilha de recursos do pré-sal. 

O Senado Federal aprovou o projeto que distribui entre a União, estados e municípios os recursos do megaleilão do pré-sal de novembro. A medida, aprovada por 68 votos a zero, representa um alívio para os cofres dos entes subnacionais. 

O aval é considerado no Senado como fundamental para possibilitar a aprovação do segundo turno da reforma da Previdência na próxima semana. O projeto agora segue para a sanção do presidente Jair Bolsonaro.

JN via Linkedin